POSTAL SAÚDE: REUNIÃO COM O MINISTRO KASSAB

Notícia publicada dia 14/12/2017

Aumentar/diminuir o texto:

Na tarde de 12/12/2017 o Ministro Gilberto Kassab juntamente com a Direção dos Correios reuniu- se com diretores da Fentect e da Findect  bem como representantes dos trabalhadores dos sindicatos de Bauru e de São Paulo Metropolitana.   

A Pauta da reunião foi informar aos trabalhadores a possibilidade de intervenção na Operadora Postal Saúde. A ANS (Agência Nacional de Saúde) comunicou aos Correios através de carta administrativa a possibilidade de intervenção caso a Operadora Postal Saúde não cumpra com os compromissos financeiros, principalmente em relação a falta constante de pagamento aos prestadores de serviço credenciados e o mais grave é o não cumprimento no aporte de R$160.000.000 (cento e sessenta milhões de reais) que desde a criação da Postal Saúde ainda não foi realizado.

O Ministro, em sua fala usou a possibilidade da intervenção para ameaçar os trabalhadores que se não aceitarem arcar com o Custeio do Plano o mesmo poderá vir a ser extinto.

O Presidente dos Correios, Guilherme Campos, deixou claro que não há nenhum interesse por parte da ECT em honrar estes compromissos  colocando em risco a continuidade da Operadora.

Ao final da reunião o Ministro propôs que os trabalhadores arquem com o valor dos 160 milhões através de empréstimo que seria repassado à Postal Saúde e aceitem a mensalidade para o custeio do Plano.

Infelizmente a FAACO e outras Organizações não são convocadas para essas reuniões tomando conhecimento do assunto somente após o ocorrido, mesmo com nossos Conselheiros eleitos, esse tipo de assunto provavelmente não chega ao conhecimento deles. É preciso estarmos todos atentos no sentido de encontrarmos uma forma definitiva de não sermos atingidos (toda a família ecetista) por essas monstruosidades.  



Compartilhe agora com seus amigos